PM se reúne em Gurupi com órgãos de fiscalização de trânsito, Presidente da Federação Tocantinense de Ciclismo e representantes de clubes

0
1
Reunião com representantes de órgãos da fiscalização de trânsito e o Presidente da Fedaração do ciclismo no Estado e representantes de clubes de ciclismoReunião com representantes de órgãos da fiscalização de trânsito e o Presidente da Fedaração do ciclismo no Estado e representantes de clubes de ciclismo

Na manhã dessa segunda-feira, 17, em Gurupi, o comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM), tenente-coronel Jaime Porfírio de Souza, se reuniu com representantes de órgãos públicos responsáveis pela fiscalização de trânsito, estadual e municipal, com o Presidente da Federação Tocantinense do Ciclismo, além de representantes de clubes de ciclismo para tratar da Campanha “Respeite Todos na Via”.

A campanha será desenvolvida durante toda esta semana no município de Gurupi, em parceria com outros órgãos de fiscalização de trânsito, por meio de ações educativas nas ruas, avenidas e rodovias.  O objetivo é fazer um convite a todos os motoristas para refletirem sobre as condutas que devem ser tomadas no trânsito para que todos possam se locomover de maneira segura nas vias públicas, seja a pé ou de qualquer meio de transporte. O fechamento dos trabalhos está previsto para o próximo sábado, 22, que é quando se encerra a semana do “Dia Nacional do Ciclista”, comemorado no dia 19 de agosto.

Para o presidente da Federação Tocantinense do Ciclismo, Marcelo Leão, “no município de Gurupi, tem o maior índice de ciclistas praticantes, em termos de índice população no Brasil. A cidade de Gurupi, hoje tem muitos atletas do ciclismo iniciantes, que ocupam as vias públicas com os motoristas de veículos automotores. Que deve ser realizado um trabalho em parceria com os órgãos de segurança pública e a Federação Tocantinense do Ciclismo, para conscientizar esses novos atletas e motoristas de veículos para que juntos eles possam fazer uso da mesma via, com segurança para ambos os lados”.

Para o comandante da Unidade, tenente-coronel Jaime Porfírio, essas ações são necessárias para conscientizar os motoristas de que todos têm o direito de transitar pela via pública de maneira segura e se cada usuário respeitar o direito do outro teremos um trânsito sem violência e no final, todos ganharão. Que a melhor forma de conscientizar os motoristas é através das ações educativas.

Revisão: Luana Barros

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA